sábado, 24 de julho de 2010

Habemus nuovo técnico. Mano Menezes.

Perdão pela errata do post de ontem, mas é tão difícil imaginar que um técnico recuse um convite para comandar a seleção, que acabei me precipitando. Após reunião com Ricardo Teixeira, Muricy Ramalho conversou com a diretoria do Fluminense, clube que comanda, e esta não liberou sua saída. O clube ocupa a primeira posição na competição nacional e renovou o contrato de Muricy por mais um ano. À tarde, o técnico comandou o treino da equipe normalmente, sem entrevistas.

Ricardo Teixeira contava com uma lista de 3 nomes para assumir a seleção brasileira e após a confirmação de que Muricy não assumiria o cargo, o segundo nome era o de Mano Menezes: técnico campeão com o Grêmio e com o Corinthians. E diferentemente de Muricy, este aceitou o convite vindo da CBF. A confirmação veio em coletiva de imprensa pela manhã de hoje.

Muitos já acreditavam desde o início que o nome de Mano seria forte como sucessor de Dunga, até porque Andreas Sanchez, presidente do Corinthians, viajou com a delegação no mundial da África do Sul. E não deu outra, Mano Menezes é aquele que tem a missão de acertar a equipe, renovar e vencer. Se tratando de Copa do Mundo de 2014 é uma tarefa difícil e amarga, mas Mano Menezes conta com a confiança depositada em cima de sua trajetória.

Um comentário:

Bru disse...

agora é confiar e torcer pra que ele faça o melhor trabalho possível.. 2014 vem aí, é nóis no Maraca <3 hahaha